Fechar [X]

O SKATISTA MÁRTIR

Ignacio Echeverría False

Por Armen Pamboukdjian

Curtir

08/06/2017

No dia 22 de maio de 2017, a Europa foi palco de mais um atentado terrorista atribuído à Grupos Radicais Islamicos, algo que tem acontecido com cada vez mais frequência, infelizmente. O alvo da vez foi a cidade de Londres, capital da Inglaterra.

Três terroristas realizaram o atentado atropelando pessoas com uma van na London Bridge e esfaqueando tantas outras, depois de saírem do veículo, em Borough Market, antes de serem abatidos pela polícia. Oito pessoas foram mortas no atentado e quase cinquenta ficaram feridas.

Um dos mortos no atentado era o espanhol Ignacio Echeverria Miralles de Imperial de 39 anos. Natural de Madrid, Echeverría trabalhava num banco em Londres e vivia na cidade desde fevereiro de 2016. O nome pode não soar familiar no mundo do skate. Até agora!

Ignacio era skatista e, segundo testemunhas do atentado, ao ver uma mulher sendo atacada por um terrorista munido de uma faca, não pensou duas vezes e partiu para cima do criminoso desferindo golpes com seu skate e salvando a mulher. Echeverría entrou em luta corporal com os atacantes e após isso nada mais se soube dele. 

Logo após o atentado, o Governo de Espanha já tinha anunciado que um cidadão espanhol estava desaparecido desde os ataques de sábado, pois Echeverría não estava na lista oficial de mortos ou feridos divulgada pela polícia londrina e seu paradeiro era um mistério. A família de Ignacio e o governo espanhol haviam criticado as autoridades britânicas pela demora em dar informação.

Mas nesta quarta-feira (07), a polícia Britânica deu os pêsames à família de Echeverría num comunicado afirmando que sim, ele havia sido morto pelos terroristas no próprio local do atentado.

Segundo amigos próximos, a grande paixão de Echeverría era o skate e por isso estava com ele naquele exato momento. Como muitos de nós (skatistas), provavelmente ele ia trabalhar de skate ou levava o skate ao trabalho para uma sessão depois do trampo.

O ato solidário de Echeverría nos faz pensar num mundo com mais amor e empatia. Espero, sinceramente, que o mundo do skate sempre se recorde da lição de Ignacio, um skatista mártir e, acima de tudo, um ser humano altruísta.


Vale lembrar que, além de Echeverría, morreram também no atentado os francêses Xavier Tomas (45), Alexandre Pigeard (27) e Sébastien Bélanger (36), as australianas Kirsty Boden (28) e Sara Zelenak (21) e a canadense Chrissy Archibald (30).

A comunidade do Skate Mundial sente a perda de Echeverría e também das demais vítimas desse ataque de ódio brutal que vitima pessoas em diversos países da Europa.

Abaixo, assista ao vídeo promo publicado pelo próprio Echeverría "El Abogado" (O Advogado) em seu canal no Youtube, no ano de 2010:

 

 
Mais posts desse blogueiro
Mais posts

Para acessar com a sua conta do Facebook, é necessário que você esteja cadastrado no site.

Já sou Cadastrado! Cadastre-se

Para acessar com a sua conta do Twitter, é necessário que você esteja cadastrado no site.

Já sou Cadastrado! Cadastre-se